Keblinger

Keblinger

Não está funcionando?

16 agosto 2011
A pergunta na verdade deve ser:

"O que você faz quando as coisas não estão funcionando?" 

Você tem que melhorar suas vendas. Você de alguma forma usa algum método para vender, só que este método não esta trazendo os resultados esperados. O que fazer?


Todas as vezes que você tem que discutir algo com o departamento financeiro, as coisas não saem bem. Você chega sempre de uma maneira simpática, mas ao longo da conversa a coisa desanda. O que fazer?

Seu chefe fica pegando no seu pé a todo o momento. Você procura entender a situação e atender a solicitação dele, só que não adianta, ele continua a pegar no seu pé. O que fazer?

Aquele cliente vive reclamando de tudo, você tenta atender todas as coisas que ele pede, mas, por mais que você faça parece que nada agrada. O que fazer?

As respostas para estas e inúmeras outras situações parecidas é:

Faça diferente.
Com outro método.
Com um argumento inédito.
De maneira oposta.
Tente algo novo.
Faça algo inovador.

Simples certo? Nem tanto.

O problema é que somos movidos pelo hábito, nosso cérebro adora se prender a algo já conhecido, mesmo quando a coisa não está funcionando.  Agimos com os outros, usamos métodos, tentamos resolver os problemas sempre da mesma maneira, aquela que achamos pela força do hábito a mais segura.

Lembro-me de ter lido uma história que exemplifica bem está força do hábito que nosso cérebro cultiva.

Um consultor pergunta a um executivo:

"O que você faz quando as coisas não estão funcionando?"

O executivo tira da gaveta uma folha de papel onde está escrito:

“O que fazer se você está montado em um cavalo Morto?”

Logo a baixo vem uma lista de coisa a fazer
  •  Compre um chicote mais forte.
  • Troque a sela.
  • Declare: “É assim que sempre montei este cavalo.”
  • Nomeie uma equipe para ressuscitar o cavalo morto.
  • Ignore o cavalo morto... Que cavalo morto?
  • Contrate uma palestra motivacional para motivar o pessoal a montar o cavalo morto.
  • Terceirize. Contrate uma empresa externa para montar o cavalo morto.
  • Nomeie uma comissão para estudar o cavalo morto.
  • Marque visitas em outras empresas para ver como eles montam cavalos mortos.
  • Atrele vários cavalos mortos juntos para aumentar a velocidade
  • Diga: “É o mercado, economia, etc. Todos estão com dificuldade de montar cavalos mortos.”
  • Troque todos os cavaleiros, contrate os da concorrência.
  • Promova o cavalo morto para gerente.
 O que fazer?

Pare, analise, será que você não está montando um cavalo morto, se for o caso, DESMONTE e procure outro cavalo, mula, boi, não importa o que, mas vivo. 

Quando não se está obtendo os resultados esperados, com os comportamentos, atitudes e procedimentos atuais, mude o método, a maneira de falar com o outro, a forma de abordagem, os procedimentos, as atitudes, a maneira de fazer, etc.

Não deixe seu cérebro, que está mais preocupado em manter os hábitos dominar você, afinal, o cérebro é seu você é que tem que comandá-lo não o contrário.

Desmonte agora do seu cavalo morto.

0 comentários:

 

RESISTÊNCIA A MUDANÇAS - O FOGO.

RESISTÊNCIA A MUDANÇAS - A RODA.

CONVERSAR ON-LINE

RESISTÊNCIA A MUDANÇAS - O 1º PASSO É SEU.

RECEBA BOX H NO SEU E-MAIL.

Copyright 2008-2012 © HOME I Homero Fischer All Rights Reserved • Design by Dzignine